Pages Menu
Categories Menu

Atenção: todos os textos deste blog são de autoria de Cintia Amorim, estando devidamente registrados. É proibida a reprodução para fins comerciais sem a autorização escrita da autora. As violações serão tratadas por vias judiciais.

O PÓLO NORTE E MEU PICOLÉ

O PÓLO NORTE E MEU PICOLÉ

0 Flares 0 Flares ×

Meu picolé está derretendo. Está fazendo muito calor. O dia hoje está tão quente, que parece filme de terror. Aqueles filmes em que o vilão, um sujeito bem malvado, amarra o mocinho em um forno, só para depois comê-lo assado.

E para piorar preciso caminhar até à escola. Vou andando devagar. Está fazendo tanto calor que tenho medo de desidratar. Vou andar pela sombra, para fugir do sol escaldante. Só penso em matar a sede, tomar um suco ou refrigerante.

Vou entrar na padaria, comprarei um picolé. Para refrescar um pouquinho, você sabe como é!!

<

Mas o dia está tão quente que nem deu para aproveitar, meu picolé derreteu todinho, antes mesmo deu eu chupar.

Fico, então, a pensar no que a professora me falou, o Pólo Norte está derretendo, efeito de tanto calor. É que a terra está mais quente, foi o que ela me ensinou.

Ela disse que no Pólo Norte, o gelo também está derretendo. E montanhas inteiras de gelo estão desaparecendo. Sim, montanhas enormes de puro gelo, que são chamados icebergs, estão virando água, se misturando ao oceano. E até a paisagem está se transformando.

Eu fico a pensar: coitado do urso polar, o gelo está derretendo, tomara que ele saiba nadar.

A professora também disse que assim é a natureza. Se a gente a destruir, ela acaba, não tem moleza. Se o Pólo Norte acabar, igual ao meu picolé. Ninguém vai comprar outro. Você sabe como é!

Se acabar, acabou, não adianta chorar. O negócio, então, é saber preservar. Cuidar bem da natureza, das florestas, dos oceanos.

Cuidar do nosso planeta, não fazer tantas queimadas, reciclar todo esse lixo que produzimos às toneladas. Cuidar da camada de ozônio, zelar pelos animais, tomar cuidado com o efeito estufa. E todo mal que ele traz.

Continuo a pensar no pobre do urso polar, o que ele vai fazer se o Pólo Norte esquentar? Vai comprar uma camiseta, usar short e bermudão?  Será que vai tomar banho de sol, ficar vermelho que nem pimentão?

Vou preservar a natureza. Vou estudar e aprender a cuidar do meu planeta.

Serei um bom cidadão, com consciência ambiental. Farei coleta seletiva, reciclagem, coisa e tal. Vou fazer a minha parte, não quero dor de consciência, não quero nem saber de depois me arrepender.

FIM.

Se você gostou deste texto infantil sobre o aquecimento global, por favor, compartilhe. Permita, dessa forma, que mais pessoas tenham acesso a ele.


um grande abraço,

Cintia Amorim.

Você vai gostar também:

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Flares Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×